14 OUT 2014

PERIQUITA ELEITO MELHOR TINTO “ENTRY LEVEL” NA NORUEGA

PUBLICAÇÃO NORUEGUESA DISTINGUE PERIQUITA ORIGINAL 2012

O Periquita Original 2012 foi recentemente distinguido na conhecida publicação norueguesa klikk.no como o melhor vinho tinto “entrada de gama” (abaixo das 120 coroas norueguesas), tendo sido classificado com 84 pontos. www.klikk.no

Presente na Noruega há mais de 40 anos, Periquita é actualmente uma das marcas de vinho portuguesas mais vendidas neste país, gozando de uma elevada notoriedade.

A história do Periquita remonta ao início da própria história da José Maria da Fonseca, quando o fundador da empresa, o Senhor José Maria da Fonseca comprou, por volta de 1846, a propriedade Cova da Periquita.
Foi nessa propriedade, hoje em dia quase engolida pelo desenvolvimento urbano, que José Maria da Fonseca plantou as primeiras uvas da casta Castelão, que ele próprio havia trazido, muito provavelmente, da Estremadura.

O vinho produzido na Cova da Periquita desde logo provou ser dos melhores da região dando origem a que os outros proprietários pedissem a José Maria da Fonseca varas daquela casta para plantarem nas suas próprias propriedades.

Desta forma, o vinho tornou-se conhecido em Azeitão como o vinho da Periquita, passando a ser comercializado pela José Maria da Fonseca como Periquita.
Embora não possa ser avançada com exactidão a data em que a primeira colheita foi produzida, é porém certo que o Periquita já estava a ser produzido em 1850, tendo a colheita de 1886 recebido a medalha de ouro na Exposição de Vinhos de Berlim em 1888.

José Maria da Fonseca registou a marca Periquita em 1941. Por este motivo, o Periquita é na actualidade a mais antiga marca Portuguesa de vinho de mesa comercializada tendo adquirido, ao longo do tempo, uma crescente popularidade em Portugal e uma considerável notoriedade em mercados tais como a Suécia, o Brasil, Estados Unidos da América, Canadá, Dinamarca e Noruega.


VER MAIS NOTÍCIAS   

content