16 SET 2013

PASMADOS BRANCO E TINTO CHEGAM AO MERCADO

PASMADOS CHEGAM AO MERCADO

As emblemáticas marcas Pasmados Branco 2009 e Tinto 2011 já estão no mercado.

A José Maria da Fonseca acaba de lançar as novas colheitas e nova imagem de dois dos seus vinhos mais emblemáticos da Península de Setúbal: o Pasmados Branco 2009 e o Pasmados Tinto 2011.

Pasmados, marca de referência da José Maria da Fonseca, é proveniente de uma das quintas da Família Soares Franco, localizada na Península de Setúbal. A vinha de Pasmados, cenário de rara beleza em plena Serra da Arrábida, compreende aproximadamente 18ha, começando no sopé da serra e estendendo-se em língua e perpendicularmente à mesma.

Pasmados Branco e Tinto

O Pasmados Branco assume-se como o topo de gama dos vinhos brancos da José Maria da Fonseca, sendo lançado para o mercado apenas após um período mínimo de dois anos durante os quais fermenta, estagia e repousa nas nossas caves. A presente colheita, um lote de Viosinho (50%), Arinto (30%) e Viognier (20%), teve 6 meses de estágio em barricas de carvalho francês com bâtonnage, e é ideal para acompanhar queijos e pratos de peixe e marisco.

O Pasmados Tinto, originalmente conhecido por Tinto Velho J.M. da Fonseca, obteve o seu nome actual nos anos 70 por necessidades de natureza comercial, inspirando-se na fonte setecentista existente em Azeitão ao lado da Casa Museu José Maria da Fonseca. A colheita actual, um lote de Syrah, Touriga Nacional e Castelão, estagiou 9 meses em carvalho francês e é recomendado para acompanhar pratos de carnes vermelhas.

Pasmados Branco 2011

Castas: Viosinho (50%), Arinto (30%) e Viognier (20%) Produção de Vinho: 6.400 litros Cor: Palha Aroma: Maçã, pêra, damasco, especiarias. Apesar da cor palha, o aroma mantém frescura e acidez. Paladar: Boa fruta, acidez equilibrada. Boa evolução. Final de Prova: Longo Vinificação: Fermentação a 18ºC em cuba de inox e em barricas de carvalho francês. Envelhecimento: 6 meses em barricas de carvalho francês com bâtonnage. Modo de Servir: Servir a 13ºC e consumir a uma temperatura de 14ºC com peixes e mariscos. Longevidade Prevista: 9 anos após o engarrafamento.

Pasmados Tinto 2011

Castas: Syrah (49%), Touriga Nacional (37%) e Castelão (14%) Tipo de solo: Argilo-Calcário Produção de Vinho: 9.000 litros Cor: Ruby violeta Aroma: Violetas, amoras, pimentão, mirtilos, morangos Paladar: Taninos suaves, frutado, madeira Final de Prova: Médio Vinificação: Fermentação com maceração pelicular a 28ºC Envelhecimento: 9 meses em carvalho francês Engarrafamento: Junho 2013


VER MAIS NOTÍCIAS   

content