Moscatel de Setúbal Cognac DSF


MOSCATEL DE SETÚBAL COGNAC 2001

COLECÇÃO PRIVADA DOMINGOS SOARES FRANCO
D.O.C. MOSCATEL DE SETÚBAL

Representante mais novo da sexta geração da família, Domingos Soares Franco é, para além de vice-presidente, o enólogo desta casa, e por isso referência incontornável no panorama vitivinícola da região e do país. Embora assine todos os vinhos da José Maria da Fonseca, existem uns que reserva para si como especiais. Chamou-lhes Domingos Soares Franco – Colecção Privada.

Prosseguindo com o entusiasmo e paixão com que tem vindo a desenvolver as suas experiências enológicas, neste Colecção Privada Domingos Soares Franco Moscatel de Setúbal, foi utilizada uma aguardente proveniente da região de Cognac. A aguardente de Cognac confere a este Moscatel características únicas a nível de complexidade e estrutura.


FICHA TÉCNICA

REGIÃO

PENÍNSULA DE SETÚBAL

ÁREA DA VINHA

-/-

ARGILO-CALCÁRIO

PRODUÇÃO

3.500

PRODUÇÃO DE VINHO

ENGARRAFADO

2020

MARÇO

CASTAS

100

MOSCATEL SETÚBAL

ANÁLISES

18.5

TEOR DE ÁLCOOL

7.5

ACIDEZ TOTAL
(ÁCIDO TARTÁRICO)

3.38

pH

201

AÇÚCAR RESIDUAL

CONSERVAÇÃO

12º

TEMPERATURA

60

HUMIDADE

LONGEVIDADE

-/-

LARGOS ANOS

NOTAS DE PROVA

COR

Âmbar

AROMA

Alperce, ameixa amarela, damasco e raspa de laranja.

PALADAR

Damasco, avelã torrada, muito fresco e cítrico, boca longa e infindável.

FINAL DE PROVA

Muito longo

VINIFICAÇÃO

Fermentação é parada com adição de aguardente Cognac.

MODO DE SERVIR

Deve ser bebido a uma temperatura de 10º como aperitivo ou a 16ºC como vinho de sobremesa.


content